Open/Close Menu O nosso alvo é voltar ao " primeiro amor " ganhando almas para Cristo, obedecendo assim a grande comissão, deixada por Jesus em Mateus 28:19-20

O Perdão é uma questão de sobrevivência no relacionamento familiar. Sem o exercício permanente do perdão, torna-se impossível uma relação sadia entre família.

A falta de perdão impede a comunicação

“Portanto, se você estiver apresentando sua oferta diante do altar e ali se lembrar de que seu irmão tem algo contra você, deixe sua oferta ali, diante do altar, e vá primeiro reconciliar-se com seu irmão; depois volte e apresente sua oferta.” (Mateus 5:23-24)

a. O que não é perdão?
Não se pode considerar “perdão” quando o tratamos com uma abertura condicional:
Eu te perdôo “se”… ou,
Eu te perdôo “mas”… sai da minha frente… não quero mais te ver…

Também não há perdão quando desculpamos o erro, mas na menor oportunidade somos o primeiro a apontar. Ignoramos o incidente, fazendo de conta que nada aconteceu; simplesmente fazemos como quem esqueceu, mas não tratamos o problema. Caímos no grande engano daqueles que dizem “o tempo é remédio pra tudo”.

b. O que é o Perdão?
O perdão é uma atitude de sacrifício pessoal (negando o EGO) e deixando que Cristo assuma o controle.

1. Perdoamos independente de sentirmos ou não.

O perdão é uma atitude de obediência à Palavra de Deus: disse Jesus: “Porque se perdoardes aos homens as suas ofensas, também, vosso Pai Celestial vos perdoará a vós” (Mt 6:14)

2. É um ato da vontade.

Temos que tomar a decisão de obedecer a Cristo.

3. É algo que exige ajuda de Deus.

É Impossível perdoar sem contar com a graça de Deus

4. Jogue fora sua lista de Ressentimentos.

Perdoar é fazer faxina emocional; é livrar-se das doenças psicossomáticas e abrir portas de bênçãos.

5. Libere o ofensor da obrigação de pagar.

Se graciosamente em Cristo Deus nos perdoou, aja do mesmo modo.

6. Vida Matrimonial.

Quando não há perdão no casamento:

a. A unidade do casal é destruída;
b. A Separação vira um escape. Qualquer motivo é suficiente, e os motivos mais banais provocam os conflitos mais intensos.
c. Prevalece a dureza de coração. Deus não pode agir quando não há perdão, quando o coração “petrifica”.

Cinco palavras que podem restaurar:

1. Muito obrigado (apreço);
2. Você é especial (percepção);
3. Você se saiu bem / parabéns (elogio);
4. Você vai conseguir / confio em você (estímulo);
5. Me perdoe (humildade).

O perdão de Deus foi a grande conquista da “cruz” onde Jesus ofereceu a sua vida como sacrifício a Deus pelos nossos pecados, morrendo em nosso lugar!

Ali no Calvário foi estabelecida a “Nova e Eterna Aliança” pelo sangue de Jesus, entre todos aqueles que crêem em Seu nome e O aceitam como seu único e suficiente Salvador! Jesus te chama! Jesus te ama!

Cinco princípios para tratar conflitos:

1. Ataque o problema, não a pessoa;
2. Não brinque e não faça piada com coisas sérias;
3. Não fuja do assunto;
4. Apresente soluções, não críticas;
5. Seja humilde, você pode estar errado.

Qualidades de líderes e maridos bem sucedidos:

1. Sabe Amar – Ama verbalmente, e suas atitudes justificam suas palavras;
2. Sabe Compreender – Mesmo que o problema seja grave ou simples;
3. Sabe perdoar – É consciente de que esse é o segredo da vitória no lar;
4. Ama a Deus – Produz frutos que revelam o caráter de Cristo;
5. Sabe ser romântico – Não tem vergonha de expressar seu amor;
6. Sabe ser sincero – Não mente, fala a verdade;
7. Sabe ser cavalheiro – É educado, gentil e prestativo;
8. É trabalhador – Não tem medo de ir à luta;

9. É honesto – Caráter íntegro é tudo para ele;
10. É fiel – Sabe que esse é o segredo de Deus para conosco.

Qualidades de líderes e esposas bem sucedidas:

1. Ama – Com palavras e atitudes;
2. Perdoa – Tem o coração sempre limpo;
3. Ama a Deus – Revela a vida é o caráter de Cristo;
4. É Compreensiva – Procura entender o momento quer seja de fartura ou escassez;
5. É Romântica – Expressa amor;
6. É Submissa – É incansável na missão de apoiar seu marido;
7. Boa Dona de Casa – Cuida sua casa como um lugar sagrado;
8. Não Gosta de Fofoca – É abençoadora;
9. Humilde – Reconhece suas falhas e não tem dificuldade de pedir perdão e perdoar;
10. Busca Sempre a Vontade de Deus – Tem consciência que o melhor lugar é estar no centro da vontade de Deus.

Av Henry Ford, 1380, São Paulo | 11 3275-1006 © 2022 Igreja Porta da Paz | Todos os direitos reservados